Sobre o lançamento do curso

A previsão de lançamento do curso de Graduação em Administração de Organizações de Saúde está dependendo da publicação no D.O.U (Diário Oficial da União), uma vez que o curso já passou pela vistoria e aprovação do MEC.

Graduação em Administração de Organizações de Saúde

Sobre o curso

A Graduação em Administração de Organizações de Saúde da Faculdade Israelita de Ciências da Saúde Albert Einstein (FICSAE) formará um administrador preparado para liderar qualquer organização, com ênfase nas transformações necessárias ao setor de saúde. Entre as principais atribuições desse profissional estão a capacidade de empreender, propiciar acesso à saúde de qualidade e potencializar a atuação das organizações, por meio do desenvolvimento de competências relacionadas aos pilares de inovação e transformação digital, gestão do negócio e liderança.

O curso tem foco na gestão profissionalizada, no conhecimento técnico-científico humanista e na condução de organizações eficientes e eficazes. Para isso, conta com um currículo inovador, inspirado em faculdades internacionais de gestão e nas organizações de saúde de alto desempenho ao redor do mundo. Como uma das principais características do curso, os estudantes vivenciarão toda a experiência Einstein - desde o Hospital até as iniciativas em parceria com o Sistema Único de Saúde (SUS) já no primeiro ano de formação, por meio de consultoria, estágios e atividades de simulações e intervenções na realidade. A prática acompanhada acelera a formação do administrador de saúde que, além de receber, de forma contínua, feedback sobre seu desempenho, possibilita o exercício da liderança, gestão de projetos e acompanhamento de referências da área.

Por meio de oito trilhas de desenvolvimento, o estudante vivenciará as melhores práticas de administração em saúde, conviverá com gestores, pesquisadores e practitioners que estão transformando o setor no Brasil. O curso é embasado no uso de metodologias ativas, colaborativas e significativas, como o Team-Based Learning (TBL), as atividades práticas no Centro de Simulação Realística, estudos de caso, design thinking para projetos de intervenção, entre outros.

Com a estrutura da Faculdade Israelita de Ciências de Saúde Albert Einstein (FICSAE) e o ecossistema da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, o estudante tem a possibilidade de agregar à formação acadêmica com pesquisa, extensão universitária, consultoria, inovação e transformação da saúde brasileira.

Inscrições até 29/11

Preencha os campos abaixo e receba um e-mail quando o curso abrir inscrições.

A Faculdade

O prédio foi idealizado para criar oportunidades de interação, colaboração e descobertas. Localizado em frente ao Hospital Israelita Albert Einstein, interligado por uma passarela, a integração entre os dois edifícios possibilitará a circulação dos alunos e dos profissionais de saúde para troca de experiências, o que contribuirá para uma formação diferenciada.

É organizado em duas alas, com área construída de 43.000 m2, onde a ala leste do empreendimento é destinada às instalações de ensino, contendo salas de aula e outros recursos, ao passo que a ala oeste abriga as instalações de pesquisa médica. Jardins externos e internos são integrados à arquitetura. As principais atividades do edifício - auditório, refeitório, salas de aula e laboratórios concentram-se em uma série de pátios. Os recursos tecnológicos estimulam a aprendizagem dos alunos, tanto no domínio teórico quanto prático.

Infraestrutura

A Faculdade possui uma estrutura moderna, com recursos tecnológicos que estimulam a aprendizagem dos alunos de maneira participativa, e salas de aula e laboratórios projetados para facilitar a interação professor e alunos.

Escritório de Carreira e Estágio

Trata-se de um centro de serviços de carreira para o estudante do Curso de Administração de Organizações de Saúde, dedicada a potencializar a carreira e articular as avaliações das experiências educacionais e o desempenho do aluno na prática, por meio de projetos, estágios, monitorias e outras experiências. Propicia a avaliação 360º do estudante durante o curso e contribui desde a preparação de currículo, o desenvolvimento de portfólio e entrevistas práticas até a prospecção de vagas com seu perfil.

O escritório também realiza sessões de entrevistas simuladas (processos seletivos, negociações salariais e dramatização), assim como análise de perfil e rede do LinkedIn. Além disso, cuida da relação entre os estudantes e as organizações de saúde, prospectando oportunidades, oferecendo listas de vagas de acordo com os perfis, estabelecendo pontes e fomentando a proximidade entre eles.

Empresa Júnior

É uma organização estudantil que presta assessoria e consultoria a organizações de saúde. Entre seus objetivos, está o de apoiar organizações da região metropolitana que enfrentam desafios de gestão. É gerida por estudantes e apoiada pela área de Consultoria da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, que treina e desenvolve as competências de consultoria e possibilita a vivência em projetos no Brasil e no exterior, em instituições públicas e privadas.

Sistema Einstein Integrado de Bibliotecas (SEIB)

Sistema Einstein Integrado de Bibliotecas (SEIB)

As Bibliotecas dispõem de livros impressos, e-books e periódicos. Possuem terminais para acesso eletrônico ao mais completo acervo de publicações nacionais e internacionais na área da saúde e de gestão, disponibilizado também por acesso remoto.

Centro Einstein de Esportes e Bem-estar (CEEBE)

Centro Einstein de Esportes e Bem-estar (CEEBE)

Espaço de convivência, localizado no Morumbi, próximo ao Hospital, com foco na prática esportiva e que visa ao bem-estar físico e psicológico dos estudantes, apoiando o indivíduo durante sua experiência no Einstein. Clique aqui e saiba mais.

Corpo Docente

Diretoria

Dr. Alexandre Holthausen Campos, foto de perfil.

Dr. Alexandre Holthausen Campos

Pós-doutorado pela Universidade de Atlanta-Morehouse School of Medicine. Doutor em Medicina pela Universidade Federal de São Paulo. Atualmente é Diretor de Graduação em Medicina e Diretor Acadêmico de Ensino junto ao Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein. Experiência em Educação Médica na área de Biologia Geral, com ênfase em Biologia Celular e Molecular, atuando principalmente nos seguintes temas: biologia de células mesangiais e de musculatura lisa vascular.

Acesse o Currículo Lattes

Coordenação

Dr. Alexandre Holthausen Campos, foto de perfil.

Dr. João Paulo Bittencourt

Doutor em Administração pela Universidade de São Paulo (FEA/USP). Mestre em Gestão Estratégicas das Organizações pela Universidade do Estado de Santa Catarina, Especialista em Gestão de Pessoas. Experiência na área de Gestão de Instituições de Ensino Superior, implementação de programas de Treinamento e Desenvolvimento, Desenvolvimento de Lideranças e Arquiteturas Pedagógicas Inovadoras. Docente nas áreas de Gestão e Gestão de Pessoas, Liderança e Inovação na Gestão. Pesquisador de Ensino e Aprendizagem em Graduação e Pós-Graduação, assim como modelos pedagógicos em Mestrados Profissionais e Arquiteturas Pedagógicas Inovadoras. Foi consultor acadêmico da Editora Saraiva, gestor de sistema de ensino técnico na Editora Érica e Coordenador Geral de Pós-Graduação e Pesquisa do Instituto Singularidades. Coordenador de MBA e Programas de Gestão de Saúde na Sociedade Beneficente Israelita Albert Einstein. É coautor dos livros "Leadership Development in Emerging Market Economies" (eleito o melhor livro da área de Human Resource Development dos Estados Unidos, no ano de 2017) e "Evidence-Based Initiatives for Organizational Change and Development". É consultor certificado em Assessment pelo Center for Creative Leadership (CCL®). Membro do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do curso de Graduação em Gestão de Saúde na Faculdade Israelita de Ciências da Saúde Albert Einstein (FICSAE).

Corpo Docente

Composto por docentes mestres e doutores altamente qualificados com vasta experiência prática e na docência, experiência com metodologias ativas, envolvimento com pesquisa, além de experiência em gestão.

Objetivos e Qualificações

O objetivo central do curso é desenvolver a próxima geração de líderes do mercado de saúde para uma atuação transformadora, por meio do desenvolvimento das competências de gestão, ancoradas nos pilares de Liderança, Inovação e Empreendedorismo e Gestão dos Negócios, gerando impacto positivo e sustentável à sociedade.

Para isso, a graduação do Ensino Einstein terá como objetivos:

  • Desenvolver habilidades de liderança, para que os futuros gestores da saúde consigam construir e manter equipes de alto desempenho, engajadas e em sintonia com os objetivos da organização;
  • Preparar os profissionais para entrarem em carreiras de liderança e de gerenciamento em hospitais públicos e privados, operadoras de saúde, clínicas, indústria farmacêutica, laboratórios, centros de reabilitação e outras organizações de saúde;
  • Fomentar o desenvolvimento de competências para a inovação e o empreendedorismo para que os futuros gestores da saúde consigam empreender no setor, promover e implementar práticas inovadoras nas organizações de saúde, com o objetivo de aumentar a produtividade e a competitividade;
  • Trabalhar as competências necessárias para a gestão eficiente e estratégica dos negócios de saúde, para que os futuros gestores consigam alcançar os objetivos empresariais e a sustentabilidade dos negócios, por meio de modelos e ferramentas específicas que embasam o planejamento, a organização, o monitoramento e a tomada de decisão.

Diferenciais

  • Cerca de mil horas de experiência prática, com estágios desde o primeiro ano, trilha de simulações, intervenção, experiências e consultoria;
  • Vivência dentro do sistema Einstein, considerado por 12 anos consecutivos a melhor instituição de saúde da América Latina;
  • Visão estruturada a respeito dos sistemas de saúde e suas articulações com as organizações do setor;
  • Participação em projetos em organizações públicas e privadas, no Brasil e no exterior, por meio da Empresa Júnior apoiada pela área de Consultoria do Einstein;
  • Formação embasada por meio de 8 trilhas de desenvolvimento: Gestão e Estratégia; BI & Data Science; Comportamento, Comunicação e Liderança; Gestão de Operações; Finanças, Economia Geral e da Saúde; Inovação e Empreendedorismo; Simulações, Intervenção e Experiências; e Trilha de unidades curriculares optativas;
  • Escritório de Carreira e Estágio, para identificar oportunidades de desenvolvimento extracurricular e oferecer suporte desde a preparação de currículo e entrevistas simuladas até a prospecção de vagas com seu perfil;
  • Avaliação 360º Articulada pelo Escritório de Carreira e Estágio - Avaliação Diagnóstica, Avaliação formativa, que inclui Autoavaliação, Avaliação de pares; Avaliação Somativa; Avaliação de Supervisores de Campo;
  • Possibilidade cursar três meses na Universidade de Angers, na França, para receber a titulação pelos dois países, podendo atuar internacionalmente;
  • Matriz curricular de acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais de Administração de 2021 (Resolução nº 5, de 14 de outubro de 2021), o que permite ao egresso atuar como gestor em outras instituições além da própria organização de saúde.

Metodologia de Ensino

As metodologias ativas de ensino-aprendizagem serão adotadas em todas as unidades curriculares do curso. Uma delas é o aprendizado baseado em equipes, o Team-Based Learning (TBL), que permite aprendizado significativo e avaliação voltada à melhoria do desempenho por meio de feedbacks constantes.

Além disso, serão desenvolvidas práticas de pesquisa, discussão e tomada de decisão, em situações reais ou simuladas.

Competências

Nove competências-chave permeiam o curso e são bases para trabalhar o conteúdo, guiar as metodologias e integrar o trabalho de docentes e estudantes. São elas:

Carreira e Estágios

O Escritório de Carreira é um centro de serviços para o estudante do Curso de Administração de Organizações de Saúde, dedicado a potencializar a carreira e articular as avaliações das experiências educacionais e o desempenho do aluno na prática, por meio de projetos, estágios, monitorias e outras experiências. Propicia a avaliação 360º do estudante durante o curso e contribui desde a preparação de currículo, o desenvolvimento de portfólio e entrevistas práticas até a prospecção de vagas com seu perfil.

O curso apresenta um programa de estágio supervisionado que se divide em duas etapas:

Carreira

O programa tem como objetivo preparar os estudantes para se tornarem líderes e gestores com amplitude de conhecimento interdisciplinar, qualificados na resolução de problemas em uma variedade de domínios, com a capacidade de aprender e desenvolver competências profundas para se tornarem agentes de transformação em um mundo em rápida mudança.

Após conclusão do curso, o profissional poderá ingressar no mercado de trabalho como empreendedor, gestor, diretor ou assessor de organizações nacionais e internacionais, tanto do setor público como privado de saúde, desempenhando papeis como:

  • Gestor de sistemas de saúde
  • Consultor de organizações de saúde
  • Gestor financeiro e contábil da área de saúde
  • Auditor de negócios de saúde
  • Gestor de Recursos Humanos
  • Gestor de Marketing e Compras de organizações da área de saúde
  • Gestor de projetos e parcerias
  • Administrador de fornecedores
  • Gestor de negócios de saúde digital
  • Gestor de organizações de medicina diagnóstica
  • Gestor de projetos inovadores
  • Sócio/criador de health techs
  • Gerente de projetos de intervenção organizacional
  • Empreendedor e gestor de seu próprio negócio
  • Gerente de projetos para solução de problemas de saúde, saúde pública e saúde corporativa, entre outros.

O profissional que optar pelo intercâmbio na Universidade de Angers, na França, também terá oportunidade de atuar no exterior, por meio da dupla certificação.

Atividades Extracurriculares

Permitem que os alunos complementem seu currículo, executando práticas e vivências independentes, com 200 horas de carga horária a serem desenvolvidas ao longo do curso.

Uma das possibilidades que o aluno tem durante o curso é realizar Iniciação Científica.

Programa de Iniciação Científica da FICSAE

O Programa de Iniciação Científica da Faculdade Israelita de Ciências da Saúde Albert Einstein tem por objetivo o desenvolvimento do pensamento científico e a iniciação à pesquisa, por meio da participação dos alunos em pesquisas aprovadas na instituição, com orientação de pesquisadores e docentes do Einstein.

Regulamento

Clique aqui e confira o regulamento do programa de Iniciação Científica.

Processos de Execução

Etapas do processos de execução. Primeira Etapa - Aluno e Orientador: planejam em conjunto as etapas que farão parte das atividades de Iniciação Científica, incluindo os acordos de tempo de dedicação, cronograma, metas e a periodicidade dos encontros entre aluno e orientador. Segunda Etapa - Programa de Iniciação Científica: realizará encontros semestralmente com os alunos para acompanhar o andamento das atividades de pesquisa. Terceira Etapa - Programa de Iniciação Científica: realizará reuniões periódicas com os orientadores que já possuem alunos para esclarecimento de dúvidas e sobre a condução da orientação. Quarta Etapa - Aluno e Orientador: entregam relatório de acompanhamento de IC após seis meses do início do projeto. Quinta Etapa - Aluno e Orientador: Aluno e orientador: entregam relatório cientifico final após o término do projeto. Sexta Etapa: Programa de Iniciação Científica: emitirá certificados de conclusão de Iniciação Científica após validação do relatório científico final pelo Comitê do Programa.

Etapas do processos de execução:

  1. Aluno e Orientador: planejam em conjunto as etapas que farão parte das atividades de Iniciação Científica, incluindo os acordos de tempo de dedicação, cronograma, metas e a periodicidade dos encontros entre aluno e orientador;
  2. Programa de Iniciação Científica: realizará encontros semestralmente com os alunos para acompanhar o andamento das atividades de pesquisa;
  3. Programa de Iniciação Científica: realizará reuniões periódicas com os orientadores que já possuem alunos para esclarecimento de dúvidas e sobre a condução da orientação;
  4. Aluno e Orientador: entregam relatório de acompanhamento de IC após seis meses do início do projeto;
  5. Aluno e Orientador: entregam relatório cientifico final após o término do projeto;
  6. Programa de Iniciação Científica: emitirá certificados de conclusão de Iniciação Científica após validação do relatório científico final pelo Comitê do Programa.
Clique para assistir ao vídeo.

Monitoria

Proporciona ao aluno a vivência acadêmica junto ao pesquisador/docente, auxiliando-o na organização de suas atividades de pesquisa e de ensino, realizando revisão bibliográfica, incluindo dados em bancos específicos, orientando alunos de séries anteriores à cursada pelo monitor e realizando pesquisas de materiais enriquecedores para a aula do professor, de acordo com a demanda.

Apoio ao Estudante

Monitoria Remunerada

Esse Programa de Apoio Financeiro disponibiliza aos alunos a possibilidade de participar de Monitorias, nas quais os alunos selecionados prestam serviços em diversas áreas do Hospital Israelita Albert Einstein e, em contrapartida, recebem abatimento de valor nas mensalidades. As monitorias são divulgadas no decorrer do ano letivo, de acordo com a necessidade dos gestores das áreas. Para concorrer, o aluno deve estar devidamente matriculado, realizar inscrição e participar de entrevista com o gestor da área escolhida nas datas pré-estabelecidas pela Instituição. Após a aprovação, o estudante desenvolverá atividades práticas de acordo com a proposta da área solicitante e será contemplado com desconto na mensalidade.

NAE (Núcleo de Apoio ao Estudante)

Para o Einstein, excelência no ensino vai além de oferecer metodologias inovadoras e os mais capacitados docentes. É também inserir no mercado indivíduos física e mentalmente sadios, aptos a enfrentarem todas as dificuldades relacionadas ao exercício profissional na área da saúde. Por isso, oferece aos seus alunos diversas ações por meio do NAE, como Serviço de Apoio Psicológico, Grupos de Conversa, OUVID e o Programa de Orientação Pessoal (POP). Conheça cada uma dessas iniciativas aqui.

Processo Seletivo

A Graduação em Administração de Organizações de Saúde da FICSAE oferece duas opções de ingresso: Vestibular e submissão da nota do ENEM, sendo disponibilizadas 70 vagas no total. Em ambos, o preenchimento das vagas oferecidas obedecerá a ordem de classificação final dos candidatos.

Ingresso via Vestibular

O Vestibular para a Graduação em Administração de Organizações de Saúde é realizado em fase única, que contempla a avaliação das competências acadêmicas por meio de prova objetiva e questões dissertativas.

Ingresso via ENEM

Os candidatos que decidirem utilizar a nota do ENEM para o processo seletivo deverão fazer essa opção no ato da inscrição on-line, no site da VUNESP. Mais informações serão divulgadas no Edital do Vestibular.

Acesso Internacional

Os candidatos que decidirem aplicar para o processo seletivo internacional deverão fazer essa opção no ato da inscrição on-line, no site da VUNESP. Mais informações serão divulgadas no Edital do Vestibular. A classificação é feita de acordo com desempenho no IB/ABITUR/BAC/SAT (10 vagas por ano)

Número de vagas: 70 ao ano.

Local e Horário

Endereço

Centro de Ensino e Pesquisa Albert Einstein

Campus Cecília e Abram Szajman

Rua Comendador Elias Jafet, 755
Morumbi - São Paulo - SP

Fale Conosco

Atendimento ao Aluno

  • Segunda a Sexta, das 7h às 20h
  • Sábado, das 7h às 13h
  • Domingo e feriados não há atendimento.
Unidade Morato com alunos na porta de entrada.